31 de mar de 2013

LIBERDADE - Fernando Pessoa















Ai que prazer

Não cumprir um dever, 
Ter um livro pra ler
 
E não o fazer!
 Ler é maçada. 
Estudar é nada.
 
O sol doira

Sem literatura

O rio corre, bem ou mal, 
Sem edição original.
 
E a brisa, essa,
 
De tão naturalmente matinal,
 
Como tem tempo não tem pressa...

Livros são papéis pintados com tinta. 
Estudar é uma coisa em que está indistinta
 
A distinção entre nada e coisa nenhuma.

Quanto é melhor, quando há bruma,
 
Esperar por Dom Sebastião,
 
Quer venha ou não!

Grande é a poesia, a bondade e as danças... 
Mas o melhor do mundo são as crianças,

Flores, música, o luar, e o sol, que peca 
Só quando, em vez de criar, seca.

E mais do que isto
É Jesus Cristo, 
Que não sabia de finanças

Nem consta que tivesse biblioteca...

Fonte: Blog Educar sem Violência. Cida Alves. 2013. Disponível em: http://educarsemviolenciacriticas.blogspot.com.br/2011/01/liberdade-fernando-pessoa.html. Acesso em: 31 mar. 2013.

28 de mar de 2013

Alunos jogam lixeira em professora na Grande SP


Agressão aconteceu em Franco da Rocha.
Dirigente regional de ensino diz que estudantes serão punidos.


Uma professora foi agredida por alunos de uma escola estadual de Franco da Rocha, na Grande São Paulo. Na segunda-feira (25), estudantes apagaram a luz da sala de aula e jogaram uma lixeira que acertou o olho da professora de sociologia e filosofia Maria de Fátima.
A agressão aconteceu na Escola Estadual Zilton Bicudo. "Quando eu estava saindo, próximo da porta já, as luzes apagaram e a lixeira veio na minha direção", disse a professora. "Na hora eu senti muita dor, não consegui enxergar nada, deu um desespero."

A Secretaria de Estado da Educação não permitiu a entrada da reportagem da TV Globo na escola. O quadro de luz que foi quebrado e desligado fica no fim de um dos corredores internos. Essa não foi a primeira vez que os alunos provocaram um apagão.

Segundo o dirigente regional de ensino Celso Nicoleti, haverá punição aos envolvidos. “É inadmissível que ocorra um fato como esse dentro de uma unidade escolar. Todos os procedimentos relacionados à apuração dos fatos ocorrerão”.
A Delegacia de Ensino abriu um procedimento disciplinar. Além disso, segundo Nicoleti, o colégio está convocando o conselho de escola, formado por professores, alunos, pais e funcionários para que tome providências. “Pode ocorrer uma suspensão ao aluno ou até mesmo uma transferência compulsória”.
Para Nicoleti, é importante a participação da família junto à unidade escolar para que o caso não se repita. “A família tem o papel de acompanhar o desempenho dos alunos”.
Fonte: G1, São Paulo. 2013. Disponível em: http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2013/03/alunos-jogam-lixeira-em-professora-na-grande-sp.html. Acesso em: 28 mar. 2013.
 

26 de mar de 2013

SEUS FILHOS: DESENVOLVIMENTO



Sociedade Brasileira de Pediatria lança campanha contra andadores - Movimento visa a proibição da venda do andador em todo o Brasil
Sociedade Brasileira de Pediatria lança campanha contra andadores
Movimento visa a proibição da venda do andador em todo o Brasil

Férias são tão importantes para o aprendizado das crianças quanto a escola
Ter um tempo livre para brincar é essencial para as crianças assimilarem o conteúdo visto ao longo do ano letivo, além disso, aumenta a disposição para aprender novas informações

Os 100 primeiros dias do bebê  - Nove meses de espera, enjoos, pés inchados, compras de enxoval até que, finalmente, você tem o seu bebê nos braços. Mas como serão os primeiros dias dessa nova vida juntos? Prepare-se para esse momento que vai marcar o início de uma grande história de amor entre você e o seu filho
Os 100 primeiros dias do bebê
Nove meses de espera, enjoos, pés inchados, compras de enxoval até que, finalmente, você tem o seu bebê nos braços. Mas como serão os primeiros dias dessa nova vida juntos? Prepare-se para esse momento que vai marcar o início de uma grande história de amor entre você e o seu filho

Tudo novo de novo
Como lidar com a sua ansiedade na hora do seu filho aprender a falar “papai e mamãe”, ler e escrever e enfrentar a adaptação do seu filho na escola

Quando seu filho vai poder ajudar você nas tarefas domésticas?
Organizar brinquedos, dobrar roupas, regar plantas, arrumar a cama. Atividades cotidianas podem ser ótimas aliadas na criação dos filhos. Antes de sair por aí pedindo ajuda, saiba quando eles já estão prontos para a tarefa

40 maneiras de estimular o desenvolvimento do seu filho
Bater palmas, perguntar como foi o dia, ensinar a guardar os brinquedos. Você sabia que ações como essas ajudam as crianças a crescerem saudáveis e felizes? Reunimos ideias simples para você fazer isso na sua casa

3 atitudes que fazem diferença no desenvolvimento do seu filho
E o melhor: você pode curtir todas elas ao lado das crianças

Ouvir histórias e brincar torna seu filho mais inteligente na vida adulta
Pesquisa norte-americana mostrou que as crianças que aos 4 anos viviam em um ambiente com mais livros e brinquedos tinham o córtex cerebral mais fino, o que está relacionado com maior inteligência na vida adulta

8 motivos para criar uma rotina na sua casa

Fonte: Revista Crescer. Seus Filhos: Desenvolvimento. 2013. Disponível em: http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EDT0-15152,00.html. Acesso em: 26 mar. 2013.

24 de mar de 2013

Atenção, o foco da cognição


Quando lembramos de um evento no passado, estamos realizando a evocação de um conteúdo de memória. Mas para que isso aconteça, em primeiro lugar, é preciso que esse conteúdo tenha sido eficientemente gravado. Memória é gravação e recuperação de dados. Como em um computador, se não salvamos adequadamente um arquivo na mídia apropriada, não teremos como abri-lo novamente depois. Se eu lhes disser, por exemplo, que estou escrevendo esse artigo pela segunda vez porque o rascunho não foi salvo adequadamente pelo computador, entenderão perfeitamente o que quero dizer.

A atenção é a capacidade que temos de focalizar um objeto ou grupo de objetos externos(sensoriais) ou internos(pensamentos) que aparecem aos nossos sentidos. Esse processo é indispensável para que os dados a serem salvos no banco de memórias sejam isolados e enviados ao processo de gravação. Por meio da atenção, dedicamos nossos esforços e energia intelectual para o alvo escolhido e eliminamos tudo aquilo que não se relaciona diretamente ao nosso desejo.
Em termos cerebrais, existem 3 tipos de atenção: a bottom-up, a top-down e a domínio-específico.
bottom-up ou, de baixo para cima, refere-se à atenção que temos aos estímulos externos ou internos que chegam até nós e que recebemos de maneira difusa. Imagine-se como um animal andando numa floresta, atento a qualquer pequeno barulho, cheiro ou sensação tátil que se apresente durante seu caminhar. Em primeiro lugar, recebemos todos os estímulos, para depois decidir o que cada um significa e sua relevância para nossa ação. Essa atenção depende do tronco cerebral e dos sistemas ativadores do estado de alerta ou vigília que vêm de baixo para cima; é bastante primitiva e instintiva. Bastante típica também das crianças que estão sempre atentas a tudo e a nada ao mesmo tempo.
Já a atenção tipo top-down, ou de cima para baixo, começa lá em cima, no córtex cerebral e sobrepuja os mecanismos de atenção instintivos. Ela se traduz na capacidade que temos de focalizar a atenção segundo nosso desejo e vontade, proporcionando a concentração mental. Um exemplo dessa atenção é quando lhe chamam para sair no sábado à noite e você decide ficar em casa para estudar. Enquanto estuda, alguém liga a TV e lhe lembra que seu programa preferido vai começar. Apesar das coisas que lhe excitam emocionalmente, como a balada ou a TV, sua determinação é capaz de eliminar da mente esses objetos de prazer e se direciona à matéria que precisa ser aprendida. É claro que a atenção top-down depende de amadurecimento cerebral, deve ser estimulada na escola e em casa e pode ser treinada durante a vida.
Por fim, a atenção tipo domínio-específico corresponde a uma modalidade que agrupa vários tipos de atenção, mais localizadas em certas áreas do cérebro, cada uma correspondendo a uma experiência sensorial. Há uma atenção visual-espacial que será envolvida na apreciação estética, outra relacionada à audição e à música e assim por diante.Esses três processos mencionados serão responsáveis pelo funcionamento prático da atenção. Compreendendo essa dinâmica mental, podemos até melhorar nosso desempenho intelectual. A atenção é uma modalidade cognitiva com vários aspectos práticos, como os que veremos a seguir, e que implicam na eficiência do aprendizado.
Inicialmente, é preciso ter um estado de alerta que surge de um despertar dos sentidos. Se estamos sonolentos, não estamos suficientemente despertos e não temos a atenção necessária para gravar dados na memória. O melhor é descansar um pouco, um cochilo de meia hora, e depois continuar o trabalho intelectual. Ou talvez, levantar da cadeira, fazer polichinelos ou cantar uma música com a criançada para enganar o cérebro e acordar os sonolentos.
Além do alerta, a atenção envolve também a vigilância que é a capacidade de persistir com um determinado objeto por um certo tempo. Essa habilidade pode ser treinada e expandida, mas normalmente não conseguimos mantê-la por mais de 40 minutos. Portanto, sessões muito prolongadas de estudo perdem em efetividade conforme o tempo passa. O melhor é dividir o estudo em períodos de até uma hora, com intervalos de descanso.
Existe também a capacidade de focalização que consiste em poder eliminar outros objetos potencialmente interessante do seu campo de pensamento. A perda desse aspecto da atenção se revela como devaneios ou distrações durante um esforço intelectual. Assim, é importante monitorarmos continuamente nosso estado de focalização e decidir, quando o perdemos, se precisamos nos concentrar mais ou descansar. Pode ser também que existe um objeto em particular que o esteja perturbando, como a vizinha gritando com a filha adolescente. Se for possível, elimine o o problema e volte ao estudo.
Finalmente, existe o que chamamos de atenção dividida que é a possibilidade de fazer várias coisas ao mesmo tempo. Atualmente, tal como os sistemas operacionais de computadores, queremos ser sempre “multi-tarefa”. Só que embora sejamos capazes de dirigir e conversar com alguém ao lado, enquanto ouvimos o rádio, no momento de uma curva perigosa, esquecemos todo o resto para focalizar no mais importante. Do mesmo modo, o adolescente deve saber que é capaz de ler, ouvir o ipod, digitar no MSN e atualizar o Twitter; mas essa atenção dividida, embora seja atenção, não é o mesmo tipo de atenção necessária para aprender uma lição de matemática ou história.
Se conhecimento é poder, aqui compartilho o que espero ser capaz de empoderar os leitores e melhorar seu domínio sobre os processos cognitivos. Compreender e desenvolver os mecanismos de atenção é fundamental para tirar o máximo proveito de suas capacidades de memória. Mas, lembre-se: depois de feito o trabalho, tire um tempo para relaxar e viver a vida com as pessoas que gosta porque isso também é fundamental.
Tel: 11-3266-7024/2476-0346

Fonte: Blog Psicopedagogia, postado por Leidiane Mendonça e Marina Alves. 2013. Disponível em: http://educacaoepsicopedagogia.blogspot.com.br/. Acesso em: 24 mar. 2013.

21 de mar de 2013

21 de março – Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial



Crianças e apartheid
Em 1976, a ONU escolhe o dia 21 de março como o Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial, para lembrar os 60 negros mortos e as centenas de feridos na cidade de Shapeville, África do Sul, em 21 de março de 1960.
Estas pessoas foram vítimas da intransigência e do preconceito racial quando pacificamente realizavam uma manifestação de protesto contra o uso de “passes” para os negros poderem circular nas chamadas áreas “brancas” da cidade.

Fonte: Blog Educar sem Violência. Cida Alves. 2013. Disponível em: http://toleranciaecontentamento.blogspot.com.br/. Acesso em: 21 mar. 2013.

20 de mar de 2013

Decreto Presidencial que estabelece diretrizes para o atendimento às vítimas de violência sexual.

Compartilhando com você leitor(a),


DECRETO No- 7.958, DE 13 DE MARÇO DE 2013

Estabelece diretrizes para o atendimento às vítimas de violência sexual pelos profissionais de segurança pública e da rede de atendimento do Sistema Único de Saúde.

A PRESIDENTA DA REPÚBLICA, no uso das atribuições que lhe confere o art. 84, caput, incisos IV e VI, alínea "a", da Constituição, e tendo em vista o disposto nos incisos IV e V do caput do art. 15 da Lei nº 8.080, de 19 de setembro de 1990,
D E C R E T A :
Art. 1o Este Decreto estabelece diretrizes para o atendimento humanizado às vítimas de violência sexual pelos profissionais da área de segurança pública e da rede de atendimento do Sistema Único de Saúde - SUS, e as competências do Ministério da Justiça e do Ministério da Saúde para sua implementação.
Art. 2o O atendimento às vítimas de violência sexual pelos profissionais de segurança pública e da rede de atendimento do SUS observará as seguintes diretrizes:
I - acolhimento em serviços de referência;
II - atendimento humanizado, observados os princípios do respeito da dignidade da pessoa, da não discriminação, do sigilo e da privacidade;
III - disponibilização de espaço de escuta qualificado e privacidade durante o atendimento, para propiciar ambiente de confiança e respeito à vítima;
IV - informação prévia à vítima, assegurada sua compreensão sobre o que será realizado em cada etapa do atendimento e a importância das condutas médicas, multiprofissionais e policiais, respeitada sua decisão sobre a realização de qualquer procedimento;
V - identificação e orientação às vítimas sobre a existência de serviços de referência para atendimento às vítimas de violência e de unidades do sistema de garantia de direitos;
VI - divulgação de informações sobre a existência de serviços de referência para atendimento de vítimas de violência sexual;
VII - disponibilização de transporte à vítima de violência sexual até os serviços de referência; e
VIII - promoção de capacitação de profissionais de segurança pública e da rede de atendimento do SUS para atender vítimas de violência sexual de forma humanizada, garantindo a idoneidade e o rastreamento dos vestígios coletados.
.
Art. 3o Para os fins deste Decreto, considera-se serviço dereferência o serviço qualificado para oferecer atendimento às vítimas de violência sexual, observados os níveis de assistência e os diferentesprofissionais que atuarão em cada unidade de atendimento,segundo normas técnicas e protocolos adotados pelo Ministério daSaúde e pelo Ministério da Justiça.
Art. 4o O atendimento às vítimas de violência sexual pelos profissionais da rede do SUS compreenderá os seguintes procedimentos:
I - acolhimento, anamnese e realização de exames clínicos e laboratoriais;
II - preenchimento de prontuário com as seguintes informações:
a) data e hora do atendimento;
b) história clínica detalhada, com dados sobre a violência sofrida;
c) exame físico completo, inclusive o exame ginecológico, se for necessário;
d) descrição minuciosa das lesões, com indicação da temporalidade e localização específica;
e) descrição minuciosa de vestígios e de outros achados no exame; e
f) identificação dos profissionais que atenderam a vítima;
III - preenchimento do Termo de Relato Circunstanciado e Termo de Consentimento Informado, assinado pela vítima ou responsável legal;
IV - coleta de vestígios para, assegurada a cadeia de custódia, encaminhamento à perícia oficial, com a cópia do Termo de Consentimento Informado;
V - assistência farmacêutica e de outros insumos e acompanhamento multiprofissional, de acordo com a necessidade;
VI - preenchimento da Ficha de Notificação Compulsória de violência doméstica, sexual e outras violências; e
VII - orientação à vítima ou ao seu responsável a respeito de seus direitos e sobre a existência de serviços de referência para atendimento às vítimas de violência sexual.

Solange Pinto Xavier

Coordenação Geral
Programa de Proteção a Crianças e Adolescentes Ameaçados de Morte
Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República

Enviado por Malú Moura, psicóloga e mestre em psicologia social pela PUC Goiás, em 17 de março de 2013.

Fonte: Blog Educar sem Violência. Cida Alves. 2013. Disponível em: http://toleranciaecontentamento.blogspot.com.br/. Acesso em: 20 mar. 2013.

16 de mar de 2013

Manifestantes pelo Brasil protestam contra deputado Marco Feliciano


Neste sábado (16), houve protestos em SP, SC e BA.
Parlamentar fez declarações polêmicas sobre africanos e homossexuais.


Grupos de manifestantes protestaram neste sábado (16) contra nomeação do pastor e deputado federal Marco Feliciano (PSC) para a presidência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara.
 

Manifestação no Largo da Catebral, em Campinas, SP. (Foto: Uéber Rosário/Futura Press/Estadão Conteúdo)
Manifestação no Largo da Catebral, em Campinas,
SP. (Foto: Uéber Rosário/Futura Press/
Estadão Conteúdo)
Em São Paulo, a manifestação aconteceu na Avenida Paulista, na região central da capital. Houve protestos também em Campinas, no Largo da Catedral, e em Piracicaba, em frente ao Terminal Central de Integração (TCI).

No Rio de Janeiro, manifestantes se concentraram na praia de Copacabana para protestar. Segundo os organizadores, a passeata contou com a participação de grupos de religiões africanas e de integrantes do Femen Brasil, entre outros movimentos sociais.

Protesto realizado na cidade de Florianópolis, SC.   (Foto: Eduardo Valente/Futura Press/Estadão Conteúdo)
Protesto realizado na cidade de Florianópolis, SC.
(Foto: Eduardo Valente/Futura Press/
Estadão Conteúdo)
Integrante do Femen Brasil participa de manifestação no Rio de Janeiro.  (Foto: Christophe Simon/AFP)
Integrante do Femen Brasil participa de manifestação
no Rio de Janeiro. (Foto: Christophe Simon/AFP)
Em Florianópolis (SC), um grupo de pessoas se reuniu na Praça XV segurando cartazes com mensagens contra parlamentar. Outra mobilização aconteceu em Salvador (BA), na praça do Campo Grande, com a participação da banda afro-brasileira Olodum.

O deputado é alvo de protestos porque, em 2011, postou mensagens polêmicas em redes sociais sobre africanos e homossexuais. Ele é alvo de ação penal no Supremo Tribunal Federal por estelionato e de inqúerito no qual foi acusado de discriminação por frase supostamente homofóbica.

Outros protestos ao longo da semana
Integrantes do movimento das Lésbicas, Gays, Bissexuais e Travestis (LGBT) de Maceió (AL) fizeram um protesto em frente à Assembleia Legislativa de Alagoas na tarde de sexta-feira (15) contra a eleição de Feliciano (PSC-SP) à presidência da comissão.

Em Manaus, representantes da sociedade civil e da classe trabalhadora protestaramna sede da Assembleia Legislativa do Amazonas na quinta-feira (14).

Em Rio Branco (AC), manifestantes realizaram um "velório" em frente ao Palácio Rio Branco, no centro da capital. "Estamos de luto pelos direitos humanos no Brasil", disse Germano Marino, presidente da Associação dos Homossexuais do Acre.


Fonte: G1, São Paulo. Disponível em: http://g1.globo.com/brasil/noticia/2013/03/manifestantes-pelo-brasil-protestam-contra-deputado-marco-feliciano.html. Acesso em: 16 mar.2013.

11 de mar de 2013

500.000 assinaturas podem derrubar Marcos Feliciano da presidência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal




Pastor Marcos Feliciano1
Pastor Marcos Feliciano, esse é o atual predidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal. Uma vergonha para o Brasil!

Estimado(a) leitor(a),
É revoltante ter um deputado declaradamente homofóbico e racista na Presidência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal. Mas nós temos uma chance na terça-feira para tentar tirá-lo do poder. Vamos alcançar 500.000 antes disso.
Acesse o link abaixo, assine a Petição e depois envie o link para todos os seus contatos!
Assine a Petição AQUI


Até as 7:54 dessa segunda-feira o site da petição já computava 301,688assinaturas. Vamos lá, juntos podemos chegar as 500.000.

Por que isto é importante
Se já não bastasse a eleição de Renan Calheiros para presidente do Senado, um deputado conhecido por opiniões racistas e homofóbicas assumiu a liderança da Comissão de Direitos Humanos e Minorias na Câmara dos Deputados. É um absurdo! Mas se aumentarmos a pressão, poderemos impedir este insulto!

A votação para a cadeira de Direitos Humanos e Minorias da Comissão aconteceu na semana passada após o adiamento da mesma sessão por causa de protestos da sociedade civil e da repercussão da nossa campanha na mídia. Os parlamentares nomearam Marco Feliciano, que fez uma série de comentários chocantes sobre negros e homossexuais. Vamos colocar em prática nosso poder popular e garantir que os deputados nos escutem e destituam o Feliciano da presidência da CDH.

Não temos tempo a perder. A mídia está começando a noticiar a campanha e nós podemos ganhar. Assine a petição e compartilhe com todos. Feliciano, não!

Racismo e Homofobia por parte do pretenso presidente da CDHM:
http://www.youtube.com/watch?v=1wbyZm3EnMQ

Fonte: AVAAZ. com Petições da Comunidade. In. Blog Educar sem Violência. Cida Alves. Acesso em: 11 mar.2013.

9 de mar de 2013

PSICOPEDAGOGIA: Hiperatividade - O que é ser hiperativo?

PSICOPEDAGOGIA: Hiperatividade - O que é ser hiperativo?: A hiperatividade é um dos componentes mais conhecidos do  TDAH - Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade.  A criança hiperativa ...

Luto pelos Direitos Humanos no Brasil!




Luto Direitos Humanos

UM ABSURDO: deputado pastor que professa a intolerância é o novo presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara de Deputados do Brasil
Pérolas de seu pensamento fascista:

“Africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé”.

“Índio nasce índio, não tem como mudar. Negro nasce negro, não tem como mudar. Mas quem nasce homossexual pode mudar. Até a palavra ‘homossexual’ deveria ser abolida do dicionário, já que se nasce homem ou mulher.”
“Não devemos desejar o mal aos homossexuais. Eles mesmos já castigam o corpo, recebendo a violência que só a mulher está preparada para receber”.


Estimado leitor peço o seu apoio à PEDIÇÃO que exige a imediata destituição do Pr. Marcos Feliciano:
Todos que já se mobilizaram para colher assinaturas em tantas outras causas das mais diversas não devem agora permitir que alguém reconhecido pela intolerância presida uma Comissão tão importante como a de Direitos Humanos. Assine aqui a petição que exige a imediata destituição do Pr. Marco Feliciano da Presidência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal.

Fonte: Pragmatismo Político. In. Blog Educar sem Violência. Cida Alves. 2013

Veja algumas matérias relacionadas:
Deputado-pastor que odeia negros e gays no comando dos Direitos Humanos?
“Não acredito no demônio. Só na intolerância da bancada evangélica”

7 de mar de 2013

RESPEITAR OS DIREITOS HUMANOS É RESPEITAR AS DIFERENÇAS


respeitar a diferença
"Temos o direito a sermos iguais quando a diferença nos inferioriza. Temos o direito a sermos diferentes quando a igualdade nos descaracteriza. As pessoas querem ser iguais, mas querem respeitadas suas diferenças” (Boaventura de Souza Santos).

Pastor Marcos Feliciano
Uma pérola do Pastor Marcos Feliciano no Twitter:
"OS AFRICANOS DESCENDEM DE ANCESTRAL AMALDIÇOADO POR NOÉ".

UM ABSURDO ATRÁS DO OUTRO:
Deputado Federal que posta nas redes sociais comentários homofóbicos e racistas é indicado para presidir a Comissão dos Direitos Humanos da Câmara dos Deputados.
Reunião para eleger presidente da Comissão de Direitos Humanos será hoje às 9 horas a portas fechadas.
Veja mais:
Após os protestos de defensores dos direitos dos homossexuais e dos negros contra a possível eleição do deputado Marco Feliciano (PSC- SP) para a presidência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados,  o presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) remarcou a reunião que será realizada às 09h30 desta quinta-feira (07). A reunião será a portas fechadas, só com parlamentares e assessores, não sendo permitida a presença de representantes da sociedade civil.

O presidente da Câmara disseque a escolha dos deputados para presidir a Comissão de Direitos Humanos e Minorias deve ser respeitada,  que não cabe discussão sobre a indicação do PSC para ocupar o cargo, e defendeu a garantia do direito dos deputados de elegerem o presidente da comissão.

A reunião fechada  gerou protestos do deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ). “Eduardo Alves e todos aqui estão acostumados a voto de cabresto ou cajado e não gostaram da presença dos movimentos sociais na sessão”, postou o deputado em seu perfil na rede social Facebook. “Espero que os movimentos sociais não se cansem de contestar essa manobra e essa indicação absurda; não se intimidem com sessões fechadas”.

Fonte: Portal EBC, em 06 de março de 2013.

Outras notícias sobre esse absurdo:



Pastor é repudiado para Comissão de Direitos Humanos da Câmara


Fonte: Blog Educar sem Violência. Cida Alves. 2013. Disponível em:http://toleranciaecontentamento.blogspot.com.br/. Acesso em: 07 mar. 2013.

6 de mar de 2013

Polícia divulga imagens de mulher sendo espancada em Ribeirão Preto


Agressão aconteceu no ano passado no Centro e homem foi preso.
Câmeras do Projeto Olho de Águia da PM flagraram outros crimes.


A Polícia Militar divulgou nesta quarta-feira (6) imagens que flagraram uma mulher sendo espancada em frente ao Centro Popular de Compras na região central de Ribeirão Preto (SP). O crime aconteceu em dezembro do ano passado e o agressor foi detido.
A prisão aconteceu após as câmeras de monitoramento da PM, nomeadas de Projeto Olho de Águia, registrarem o homem abordar uma mulher e começar a agredi-la com vários socos. A vítima caiu no chão e continuou apanhando com chutes. O homem também usou uma mochila para bater na jovem e puxou o cabelo dela. Ele só parou com a chegada dos policiais.
“Essas imagens a gente consegue gravá-las e encaminhar ao distrito policial. Elas são anexadas aos inquéritos policiais e durante os julgamentos, mesmo que a pessoa negue que tenha cometido algum tipo de crime, lá está a imagem dela que facilita uma possível condenação posterior pelo poder judiciário”. Afirmou o capitão da PM Paulo Henrique Junqueira de Carvalho.
  •  
Homem espanca mulher no Centro de Ribeirão Preto, SP (Foto: Reprodução/EPTV)Homem espanca mulher no Centro de Ribeirão Preto, SP (Foto: Reprodução/EPTV)
Fonte: G1. 2013. Disponível em: http://g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/noticia/2013/03/policia-divulga-imagens-de-mulher-sendo-espancada-em-ribeirao-preto.html. Acesso em: 06 mar. 2013.

5 de mar de 2013

ESCOLHA INSENSATA...

Indicado para presidir Direitos Humanos, deputado quer aprovar seu projeto de plebiscito sobre união civil do mesmo sexo
BRASÍLIA — Depois de quase três horas de reunião, o Partido Social Cristão (PSC), sem consenso, indicou o pastor Marco Feliciano (SP) para presidir a Comissão de Direitos Humanos. O anúncio foi feito pelo líder da legenda, André Moura (SE), que afirmou ter sido uma decisão de consenso, ainda que alguns deputados emitiram voto em outros nomes, mas foram vencidos. Em entrevista coletiva, Feliciano citou pastor protestante e ativista político americano Martin Luther King como um exemplo igual ao seu.

- Disseram ser da Idade da Pedra ou dos tempos de caça às bruxas a escolha de um pastor para presidir a Comissão de Direitos Humanos. Lembro que o maior defensor dos direitos humanos de todos os tempos foi um pastor: Martin Luther King. Não me comparo a ele, mas era também um cristão - disse Marco Feliciano.

O deputado disse que não é e nunca foi racista e nem homofóbico, mas não negou as frases sobre negros que inseriu em seu Twitter na internet.

- Não neguei o que escrevi e não nego agora. Foi só um post...A maioria das informações sobre mim não são reais.

Feliciano voltou a afirmar que a Comissão de Direitos Humanos é monotemática e que dá espaço excessivo para apenas um movimento. Ele evitou de citar, mas se referia aos temas relacionados a gays, lésbicas, transsexuais e outros setores desse movimento.

- Mesmo meu partido sendo conservador e de direita, ninguém será tolido na comissão.
O deputado voltou a afirmar ser contra a união civil do mesmo sexo.

- Casamento civil é entre um homem e uma mulher. E ponto final. É o que diz nossa Constituição. Fora disso, nada existe. Defendo o plebiscito e vou ver em que pé está meu projeto, que estava parado na comissão.

Ele afirmou também que a sociedade conhecerá, "de fato", quem é Marco Feliciano.
- Vou dignificar a Nação. Sou muito querido dentro do Parlamento. Tive 210 mil votos.
O deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ), na semana passada, disse que pode não integrar a comissão se confirmada a indicação de Feliciano, que respondeu.

- Gostaria de tê-lo na comissão. Mas se ele fugir da raia vai ficar feio para ele - disse.
Chico Alencar (PSOL-RJ), também integrante da comissão, criticou a indicação de Feliciano.

- Essa indicação vai inviabilizar a comissão que é dos direitos humanos. Será a comissão dos valores religiosos, do fundamentalismo e da higienização da raça. Foi uma insensatez do PSC - disse Chico Alencar.


COMPARTILHO COM VOCÊS A MINHA CRÍTICA/QUESTIONAMENTO EM RELAÇÃO A ESCOLHA DO PRESIDENTE DA COMISSÃO DE DIREITOS HUMANOS - pastor Marco Feliciano (PSC). Conhecido por suas posições conservadoras em relação a homossexuais e negros,  presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados. Então, será possível  uma pessoa com esse pensamento/visão defender o direitos de todos dos os cidadães? (Jorge Silva Sousa)



Fonte: O Globo. 2013. Disponível em: http://oglobo.globo.com/pais/pastor-marco-feliciano-se-compara-martin-luther-king-7745480. Acesso em: 05 mar. 2013.