26 de abr de 2013

Mulher grávida é agredida e tem corpo queimado pelo marido, no AM


Homem de 26 anos foi preso em flagrante e está à disposição da Justiça.
Filha do casal também ficou ferida durante as agressões.


Um homem de 26 anos foi preso em flagrante após torturar e atear fogo na esposa, Luziara Nogueira Gomes, de 28 anos, na cidade de Careiro, a 88 Km de Manaus. Depois de denúncias de vizinhos, o agressor foi detido. O crime ocorreu no sábado (20), no Ramal do 13, na Estrada de Autazes.

A dona de casa relatou que teve o cabelo cortado com um facão, foi agredida com golpes de madeira e, ainda, teve parte do corpo incendiado pelo marido. Ela teve queimaduras na região do rosto e pescoço. A filha do casal, de dois anos, também teve ferimentos, mas passa bem.
"Ele cortou o meu cabelo com facão, depois passou o barbeador por cima e me bateu. Estou toda roxa. Até de corda ele me batia. Sábado à noite ele jogou gasolina e ateou fogo em mim, a minha bebê que estava comigo também foi incendiada", disse a dona de casa.

Grávida de três meses do sexto filho, ela contou que esta não foi a primeira agressão que sofreu por parte do companheiro. "Ele sempre me agredia, mas eu nunca falei nada. Dessa vez ele passou dos limites. Tenho medo que ele saia da cadeia. Não quero que ele saia de lá", afirmou.

Depois de denúncias de vizinhos da vítima, o homem foi preso em flagrante e levado ao 34º Distrito Integrado de Polícia (DIP) de Careiro, onde está à disposição da Justiça do Amazonas. O medo da família agora é que ele consiga sair da prisão. "Eu estou com o coração na mão. Tenho medo de ele ser solto e fazer alguma coisa com ela, não contra mim. Ela tem cinco filhos e está grávida", relatou a mãe da vítima, Iassiara Nogueira.
Luziara Nogueira Gomes veio para Manaus para tratamento médico. Ela e o agressor estavam juntos há cerca de oito anos.
Sessão de tortura (Foto: Reprodução/TV AM)Vítima tem ferimentos em várias partes do corpo  (Foto: Reprodução/TV AM)Fonte: G1, AM. 2013. Disponível em: http://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2013/04/mulher-gravida-e-agredida-e-tem-corpo-queimado-pelo-marido-no-am.html. Acesso em: 26 abr. 2013.

2 comentários:

Jorge silva sousa disse...

Sempre que fico sabendo de qualquer ato de violência fico com muita indignação/revolta. E sempre fico esperando que a justiça seja feita.

Jorge silva sousa disse...

Que Deus proteja essa família contra esse homem ou melhor dizendo desse animal.